Saltar para o conteúdo

Como Seria morar em Portugal

 

Resultado de imagem para viajar para portugal

Depois de morar em Portugal por mais de um ano, sendo alguns meses em Lisboa e outros no Porto. Me chamo Natália sou portuguesa mas resido no Brasil desde pequena quando vim com meus pais e irmãos.Eu e meu marido que somos Brasileiros , gostamos muito do seu blog e achamos muito objetivo o que comentou. Estamos estudando a possibilidade de como morar em Portugal. Iremas agora em Julho para conhecer Portugal e escolher uma cidade para morar,temos uma filha de 11 anos e pensamos muito no estudo dela Eu e meu marido já estamos aposentados e não buscamos trabalho, nosso foco é nossa filha. A nossa maior alegria seria uma cidade para morar lá. Moramos na cidade do Rio de Janeiro.Poderia nos dar algumas dicas? Casa Grande e Senzala e a obra de interpretação do Brasil mais conhecida no país e mais traduzida e editada no exterior A primeira edição foi publicada em 12 de Dezembro de 1933, essa obra oferece uma interpretação do nosso passado colonial baseado na idéia de cultura para definir a identidade da sociedade brasileira ,valorizando as contribuições indí­genas, africanas e européias em sua formação. Destaca-se juntamente com essa obra a evolução Polí­tica do Brasil (1934) de Caio Prado Jr. e Raí­zes do Brasil (1936) de Buarque de Holanda , obras marcantes na análise da fromação da sociedade brasileira. Analisando esse conturbado período de crise que se instala no mundo a partir dos anos de 1970 e que em nosso países se soma a questõess importantes que não foram resolvidas historicamente em termos sociais e, especialmente na área de habitação, em que a moradia permaneceu como privilégio e a estrutura fundiária urbana manteve-se concentrada, a perspectiva de melhoria da situação dos que nada herdaram do período anterior se amplia através das que pressuporem dos movimentos sociais urbanos organizados em torno do Movimento Nacional pela Reforma Urbana (MNRU) que, através da Constituição de 1988, obteve avanços no sentido de universalizar formalmente os direitos de cidadania, e a participação popular nas polìticas públicas, tendo sido, por isso, intitulada de Constituição cidadã.